Os milhões que ficam no banco

Renato Sanches soma apenas 643 minutos na temporada de estreia pelo Bayern Munique

• Foto: Reuters

Contratado ao Benfica por 35 milhões de euros, Renato Sanches vive uma época de estreia irregular no Bayern Munique. O internacional português, de 19 anos, é apenas um dos exemplos em que uma equipa poderosa desembolsa muitos milhões num jovem talento... que tarda em afirmar-se.

E a verdade é que os adeptos bávaros ainda não conhecem o verdadeiro médio que brilhou na época passada nos encarnados. Ao todo, Renato fez apenas 643 minutos em todas as competições. Só por sete vezes (em 17 jogos) foi aposta inicial de Ancelotti, técnico que tem gerido com pinças a aposta no jovem português. Com dez presenças na Bundesliga ao fim de 19 jornadas, o Golden Boy tem como ‘desculpa’ o facto de se confrontar com uma concorrência de luxo no meio-campo dos campeões germânicos. Xabi Alonso tem o controlo das operações na zona mais recuada, Vidal parece ter energia infinita, e o talento de Thiago é inesgotável. Para piorar o cenário, Ancelotti tem apostado em primeiro lugar em Kimmich antes do português.

O exemplo de Ronaldo

A imprensa alemã tem questionado o valor que o Bayern desembolsou pelo antigo jogador do Benfica, que ‘persegue’ o registo de outros craques portugueses na época de estreia no estrangeiro. O exemplo maior é o de Cristiano Ronaldo, que disputou 40 jogos (6 golos) no United com 18 anos.

Contudo, o período de adaptação da promessa lusa à nova realidade deverá estar perto da conclusão. "Tem a ver com a nova língua, país, clube e equipa. Ele é muito novo e temos de ter alguma paciência com ele. A segunda metade da época vai correr-lhe melhor", prometeu Carlo Ancelotti recentemente à revista ‘Kicker’. E a próxima oportunidade de ver Renato em ação é no sábado, no terreno do Ingolstadt...

Suplentes... de luxo

Pela Europa há outros exemplos de milhões que ficam no banco. No PSG, Javier Pastore (contratado por 42 milhões em 2011) disputou apenas 408 minutos esta época. No Real Madrid, James (adquirido por 75 milhões em 2014) não é aposta inicial de Zidane. E, em Inglaterra, José Mourinho tem preterido Martial, francês que custou 50 milhões em 2015 ao United.

Por Diogo Jesus
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Alemanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.