Antigo campeão do Mundo pelo Brasil morre e apenas 18 pessoas vão ao seu funeral

Altair faleceu aos 81 anos e foi sepultado com a camisola da seleção canarinha

• Foto: Fluminense

Altair, antigo lateral esquerdo da seleção brasileira que se sagrou campeão do Mundo em 1962, morreu aos 81 anos na última sexta-feira, mas no momento da despedida poucos foram os que se lembraram do antigo craque. Segundo revela o 'Globoesporte' apenas 18 pessoas compareceram no funeral de Altair, que foi sepultado com uma camisola da seleção canarinha.

O antigo internacional representou também durante muito tempo o Fluminense. Esteve em 551 jogos, é a ainda o quarto futebolista com mais partidas pelo clube carioca, que assinalou a morte do seu antigo jogador nas redes sociais, decretou luto oficial por três dias mas não mandou uma coroa de flores nem qualquer representante ao funeral.

Já a CBF enviou uma coroa de flores e determinou que se faça um minuto de silêncio em todos os jogos deste fim-de-semana.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.