Fazem mais de 2 mil quilómetros, caem na Taça do Brasil e acabam com 15 casos de Covid-19

Marilia Atlético Clube, do interior de São Paulo, passa por um mau bocado

• Foto: Marilia Atlético Clube

O Marilia, clube do interior de São Paulo, viajou quase dois mil quilómetros e passou por três estados para poder defrontar o Criciúma, na primeira fase da Taça do Brasil, e acabou com 15 elementos da equipa com covid-19. Entre os infetados estão jogadores, elementos da equipa técnica e funcionários.

A equipa, antes de chegar a Cariacica, já tinha viajado para Varginha, em Minas Gerais, local onde devia decorrer a partida, que depois foi transferida para o Espírito Santo.

"O Marilia Atlético Clube informa que, após a dupla viagem para fora do estado, com vista à disputa da Taça do Brasil, 15 funcionários do clube testaram positivo à covid-19, entre eles atletas e membros da equipa técnica. Fica registado o descontentamento do clube com a transferência da partida, que deveria ter ocorrido em Marília", escreveu o clube numa nota oficial.

À ESPN Brasil, fonte do Marília revelou que o clube aguarda mais resultados de testes à covid, temendo que o número de infetados seja bem superior aos 15 já detetados.

O jogo com o Criciúma terminou empatado a zero e o Marilia acabou por ser eliminado na primeira fase da prova.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.