Jogos obrigam clubes a mudar de casa

Botafogo, Fluminense e Vasco da Gama obrigados a jogar fora do Rio de Janeiro

Todos os efetivos da Polícia Militar estão já concentrados nos Jogos Olímpicos
• Foto: Reuters


O agrupamento especial de policiamento de estádios do Rio de Janeiro emitiu esta sexta-feira uma nota na qual informa que Botafogo, Fluminense e Vasco da Gama não poderão utilizar os respetivos estádios para a realização dos seus jogos em casa, durante o período em que estiverem a decorrer os Jogos Olímpicos.

O motivo é simples: todas as unidades disponíveis estarão ao serviços de eventos relacionados com os torneios olímpicos masculino e feminino de futebol, pelo que não existirão efetivos disponíveis para garantir a segurança das competições nacionais. A decisão do do Comando Geral da Polícia Militar entra em vigor de imediato e inclui já o encontro Botafogo-Palmeiras, a 1 de julho, ou seja, cinco dias antes do início dos Jogos.

"É surpreendente, porque o prejuízo para as equipes do Rio de Janeiro é imenso. É uma total falta de planeamento. Nenhuma chance de o Botafogo levar os jogos para fora do Rio, pois não vai assumir custo nenhum por conta de Jogos Olímpicos", garantiu esta sexta feira Carlos Eduardo Pereira, presidente do clube carioca.
O Fluminense, que, em agosto, teria três compromissos no Estádio Edson Passos, promete reagir através de comunicado e o Vasco da Gama, com dois jogos marcados para São Januário neste período, também ainda não se pronunciou. O Flamengo é o único clube carioca que não será afetado por esta decisão.

Comunicado da Polícia Militar

"A Polícia Militar solicitou a suspensão dos eventos desportivos da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) no Estado do Rio de Janeiro durante o período olímpico para não comprometer a capacidade operacional que estará concentrada nos eventos olímpicos, além disso o efetivo do Agrupamento de Policiamento em Estádios será empenhado nas modalidades de futebol das Olimpíadas"

Por António Carlos. Rio de Janeiro. Brasil
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas