Jorge Jesus: «Neymar podia lá chegar se tivesse a formação e a cabeça de Cristiano Ronaldo»

Treinador elogia o português e avisa que o brasileiro tem de mudar a atitude

A carregar o vídeo ...
Jorge Jesus 'esqueceu-se' de craque mundial: «Oh my God, passou-me o nome dele»

Jorge Jesus não tem dúvidas sobre quem é o melhor jogador da atualidade: Cristiano Ronaldo. O treinador do Flamengo concedeu uma entrevista ao Globo Esporte onde explicou o que diferencia o português dos outros e disse ainda que Neymar pode chegar a esse patamar, mas apenas se mudar a sua atitude.

Melhor jogador do Mundo

"Para mim Cristiano Ronaldo é o melhor, não tenho a menor dúvida. É o símbolo do que é o futebol, do que é o golo. Ele não faz 10 ou 20, faz 30, 40, 50 goloss. Messi é diferente, mais artista. E o Ronaldo não precisa de tanta nota artística como Messi para fazer o que o Messi faz. Neste momento são os dois maiores. Penso que o Ronaldo devia ser um exemplo para todos os jogadores. Todos tinham que olhar para o Ronaldo, não pela qualidade, mas por aquilo que ele é como profissional, como ele chegou lá. Isso deve ser uma lição para todas as crianças que querem ser jogadores."

Melhor da história 

"Eu nunca vi jogar Pelé, Puskás, Garrincha. Vi jogar Maradona, os últimos anos, Messi e Ronaldo, que são os dois extraterrestres do Mundo. Com estilos diferentes, mas fora do que é o normal. Está para chegar o fim deles, como é óbvio, todos chegam ao fim. O melhor de sempre? Não sei. Maradona foi super. O meu ídolo foi o Cruyff. Messi é super. Ronaldinho Gaúcho também, como o Neymar, podiam chegar a esse patamar se tivessem a formação e a cabeça do Ronaldo."

Neymar vai lá chegar?
 
"Ou ele muda ou não vai chegar. Se o chip da cabeça dele não mudar, ele não vai chegar. Porque é o que eu disse, entre o prazer e a paixão do jogo, e o prazer de ter outras coisas fora do jogo, o que é mais importante? Se esta for mais forte, nunca vais ser o melhor. É isso que o Ronaldo tem, é o prazer, a paixão que é muito mais forte do que os outros prazeres fora do jogo. Ele também faz, mas sabe fazer. É a diferença."

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.