Jorge Jesus: «Rejeitei o Milan porque era muito bem pago no Benfica mas hoje não rejeitava»

Treinador lembra vários convites que recebeu quando estava na Luz

• Foto: DR

Jorge Jesus recordou os tempos em que treinava o Benfica e explicou o motivo pelo qual recusou mudar-se para o Milan. 

"Nunca pensei sair de Portugal. Enquanto treinador do Benfica, tive vários convites de Atlético Madrid, Valencia, Monaco, Milan… Quem é que rejeita o Milan? Rejeitei eu. Hoje não rejeitava, mas naquela altura rejeitei. Porque eu era um treinador muito bem pago e continuo a ser. Para sair de Portugal para o estrangeiro, alguma coisa tinha de motivar-me. Ou o clube, ou financeiramente", frisou o técnico em entrevista ao Canal 11.

Atualmente no Brasil, Jesus admitiu que o seu empresário não gostou deste novo desafio, mas o técnico não teve dúvidas: "O meu agente não ficou muito satisfeito por eu tomar esta opção, porque ele tinha algumas equipas de Inglaterra com quem tinhas as coisas acordadas, mas eu tomei a decisão sem lhe dizer nada. Quando soube isto do Flamengo, não tive dúvidas. Era o que eu queria, era a equipa que se enquadrava comigo, era um sonho. As pessoas não têm nenhuma noção de que aquilo… Atrevo-me a dizer que é o campeonato mais competitivo do Mundo. As equipas são todas muito iguais. Das 20 equipas, 12 já foram campeãs e jogam para isso. Isso não existe em nenhum campeonato do Mundo".

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0