Liverpool com cláusula 'anti Barcelona' protege clube até 2020

Assédio a jogadores dos reds custa 100 milhões de euros

• Foto: EPA

O Barcelona terá de repensar o assédio a jogadores do Liverpool, pelo menos até 2020. O desagrado do clube inglês aquando da transferência de Philippe Coutinho para os blaugrana levou os responsáveis dos reds a precaver-se de futuros 'desejos' do Barcelona.

Assim, os dois clubes chegaram a acordo para uma cláusula extra de 100 milhões de euros por qualquer jogador que o Barcelona venha a pretender do Liverpool. Como o propalado interesse em Mohamed Salah, que tem um valor de mercado avaliado em 168,5 milhões de euros, segundo revelam os ingleses do 'The Telegraph', que custaria aos cofres dos catalães 268,5 milhões de euros.

Por Francisco Laranjeira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Barcelona

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.