Messi: «Cristiano mereceu as Bolas de Ouro que ganhou»

Argentino recusa comparações com o português

Para Lionel Messi, Cristiano Ronaldo venceu com justiça as três Bolas de Ouro que tem no currículo. "Mereceu sempre que ganhou a Bola de Ouro. Votam selecionadores, jogadores, jornalistas e a FIFA, pelo que temos de aceitar o vencedor", afirmou o craque argentino, grande rival do português nesta luta particular e que soma cinco Bolas de Ouro.

Em entrevista à televisão egípcia MBC, o craque do Barcelona recusa comparações com o madeirense, afirmando que apenas tenta "ajudar os companheiros a vencer os jogos". "Sempre disse que as comparações são coisa da imprensa, que vai ver o que cada um conseguiu", referiu.

Na mesma entrevista, Messi assumiu que gosta do futebol inglês e do italiano, dos quais vê os grandes jogos. "A minha intenção é continuar muitos anos no Barça e retirar-me aqui. Espero que seja assim e que não mude de opinião. Mas no futebol nunca se sabe, as coisas podem mudar de um dia para o outro", avisou.

O argentino, de 28 anos, apontou Frank Rijkaard como o treinador mais marcante na sua carreira. "Se ele não tivesse confiado em mim e não me tivesse lançado na primeira equipa talvez eu não tivesse chegado aqui", resumiu, falando ainda do tratamento hormonal a que submeteu quando era criança e que levou à sua mudança para Barcelona. "Não o senti muito, pois não entendia o que fazia e era muito pequeno. Sabia que todas as noites tinha de levar uma injeção e já estava. Não tive problemas para fazer a minha vida normal, para jogar na rua com os amigos e ir à escola", recordou.

Por Sérgio Krithinas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Barcelona

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.