Barcelona é agora o mãos-largas

Supera eterno rival Real Madrid

• Foto: EPA

Neste defeso, tal como no de 2014, volta a ver-se o Barcelona a investir bastante e a superar o eterno rival Real Madrid no total de gastos em reforços para o plantel. Depois de alguns anos em que os merengues lideraram no que toca a abrir os cordões à bolsa, este é o terceiro defeso dos últimos quatro em que o Barça supera a barreira dos 100 milhões em contratações. E este verão o contraste é maior do que nunca com o Real de Florentino Pérez, o presidente dos galáticos.

Enquanto os catalães chegaram aos 122,75 milhões de euros em compras, os merengues limitaram-se a pagar 30 para fazer regressar Morata, chegando mesmo a ter lucro no balanço, pois encaixaram 34,5 milhões com as saídas de Jesé (Paris SG), Cheryshev (Villarreal), Álvaro Medrán (Valencia) e Omar Mascarell (E. Frankfurt). Já o Barcelona recebe 32,1 milhões de euros após vender Claudio Bravo (Man. City), Bartra (B. Dortmund), Halilhovic (Hamburgo) e Adriano (Besiktas).

Refira-se que a última época do Barça com lucro nas transferências remonta a 2005/06: zero euros em compras e 3 milhões em vendas.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0