Bartomeu: «Nunca entraria em conflito com Messi»

Presidente do Barcelona aborda polémica com argentino

Josep Bartomeu, presidente do Barcelona, respondeu a vários temas da atualidade do clube. Entre eles a moção de censura que recolheu 20 mil assinaturas e que pode obrigar a novas eleições.

Moção de censura

"A direção está surpreendida com o número de assinaturas, mas respeitamos a democracia e os estatutos do clube. Nestes momentos, ninguém se quer demitir. O clube não pára e temos muito trabalho. Queremos continuar a trabalhar e esperamos o processo".

Messi e o desejo de sair

"Como presidente nunca entraria em conflito com Messi. Nestes dias tenho-o visto muito envolvido no projeto de Ronald Koeman. Não podia permitir que Messi, o melhor jogador do mundo e da história, saísse do Barcelona"

Suárez, associado à Juventus

"Suárez ainda é jogador do Barça. Além disso, não posso dizer mais nada."

Interesse em Lautaro Martínez, jogador do Inter

"Não vou falar de nomes em específico. Já expliquei que a pandemia afetou a economia e todos os clubes têm de adaptar-se e reduzir salários para cumprir o fair play financeiro".

Por David Novo
1
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.