Bruno Lage sobre João Félix: «Num curto espaço de tempo pode ser candidato à Bola de Ouro»

Antigo treinador do Benfica elogia avançado e considera que o que fez frente ao Salzburgo "está apenas ao alcance dos grandes jogadores"

• Foto: Lusa

Bruno Lage deu uma entrevista ao jornal espanhol 'As' sobre João Félix, onde recordou o percurso do jovem avançado do Atlético Madrid na Luz, bem como o seu enorme talento. O antigo treinador do Benfica, que lançou Félix na equipa principal dos encarnados, não poupa nos elogios ao internacional português, a quem antevê ter um grande futuro, mas avisa que ele não tem de carregar o peso de ser o sucessor de Cristiano Ronado.

"Não temos de dizer que vai ser o herdeiro do Cristiano. O que o Cristiano fez foi extraordinário e o João Félix tem um longo caminho pela frente. O mais importante é que não tenha a ambição de ser líder de nada, apenas que continue a evoluir para mostrar em todos os jogos o seu potencial. Se o fizer, essa questão de liderança ou de ser reconhecido mundialmente vai chegar de forma natural", sublinha Lage.

"Com o seu talento, a sua forma de trabalhar e a sua humildade tem tudo para ser uma grande referência mundial. Mas já em a pressão da equipa, dos 120 milhões, de ganhar... Não tem de ter também a pressão de ser o sucessor de Cristiano Ronaldo", acrescentou o treinador, que não voltou aos relvados desde que deixou os encarnados.

Lage admite que vê João Félix ganhar uma Bola de Ouro. "Vendo tudo o que ele fez contra o Salzburgo, claro que sim. O que ele fez está apenas ao alcance dos grandes jogadores. E tem a capacidade para continuar a evoluir o alto nível que já tem. Há um conjunto de dois, três ou quatro jogadores que conseguem estar a um nível muito alto durante muito tempo e penso que o João pode fazê-lo. Deve ter um rendimento alto por muito tempo. E insisto, acredito nisto porque conheço a sua forma de pensar, sei como lida com a pressão. Conheço a sua forma alegre e divertida de treinar e jogar, exigindo sempre o máximo. Se com 18 anos conseguiu ser o melhor jogador jovem do ano, num curto espaço de tempo pode ser candidato à Bola de Ouro."

O antigo treinador do Benfica explica também em que posições o internacional português se sente mais confortável. "Em qualquer uma na frente de ataque. O João rende a um grande nível, seja no corredor central, seja nas alas. Mesmo assim, penso que ele joga melhor como avançado e como segundo ponta de lança. Ele procura associar-se sempre com os companheiros e faz movimentos de rutura para chegar às zonas de finalização. É um jogador com um talento fantástico e com uma margem de progressão muito grande. Próximo da baliza cria muitas oportunidades de golo, tanto para ele como para os companheiros."

E até onde pode chegar Félix? "Com o seu talento vai ser um dos grandes jogadores do futuro. Às vezes discutimos quem é o melhor, mas o João vai ser um dos grandes, vai ser uma referência do futebol europeu e mundial. Nós em Portugal temos já um grande exemplo disso com o Cristiano."

Por Record
13
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.