Record

Gonçalo Guedes: «Peter Lim disse-me que tenho de trabalhar para justificar o preço»

Português bem-disposto na apresentação no regresso ao Valencia

• Foto: EPA
Gonçalo Guedes foi esta sexta-feira apresentado no Valencia, isto depois de ter custado 40 milhões de euros ao clube che, que o contratou ao Paris Saint-Germain. O português mostrou-se feliz por estar de volta.

"Quando acabou a época falei com o míster e disse que queria ficar, mas não dependia de mim. A situação prolongou-se e foi difícil, porque estive um mês e meio a treinar sozinho. Agora vim e estou muito contente", comentou o jogador em conferência de imprensa.

Sobre o facto de ser o jogador mais caro de sempre no clube, Guedes falou de "uma motivação extra" e revelou entre risos que Peter Lim, dono do Valencia, lhe exigiu trabalho: "Transmitiu-me muita confiança, disse que queria contratar-me e que, se o fizesse, teria de trabalhar muito para justificar o preço".
Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

M