Jogador do Barcelona e o valor que dá ao dinheiro: «Um Ferrari não passa de um carro»

Clément Lenglet reconhece que tem um bom salário mas não se considera uma estrela

• Foto: EPA

Clément Lenglet chegou a Barcelona em 2018 e tem vindo a ganhar o seu espaço na equipa. O defesa francês, de 24 anos, contou numa entrevista ao jornal 'L'Est Republicain' como tem sido a sua vida na Catalunha. Ganha bem, mas não gasta dinheiro mal gasto.

"Não mudei em nada o meu estilo de vida. Não fui uma estrela no Nancy e continuo a não ser. As coisas que rodeiam o mundo do futebol têm vantagens e desvantagens. Dou valor ao dinheiro", contou o jovem gaulês.

"Ganho bem, quando vou a um restaurante se quero um prato que custa 40 ou 100 euros não olho para o preço. Permito-me fazer algumas coisas. Mas não quero comprar um Ferrari. É agradável, mas não passa de um carro. Não me atrai mais do isso", acrescentou.

Lenglet, que chegou ao Barcelona proveniente do Sevilha, falou também de Messi. "É o melhor do Mundo, mas também um considero um amigo. Ele diariamente age de forma tão simples que somos forçados a vê-lo assim, como uma pessoa simples."

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.