Liga diz que não existiam razões para adiar Barcelona-Las Palmas

Pedido tinha sido feito pelo Barcelona mas acabou por ser rejeitado

• Foto: Reuters

A liga espanhola garantiu este domingo que não existiam razões para adiar o encontro entre o FC Barcelona e o Las Palmas, da sétima jornada do campeonato espanhol, que acabou por ser disputado à porta fechada.

O Barcelona pediu para o encontro ser adiado, devido aos incidentes que ocorreram durante o referendo para a independência da Catalunha, mas o organismo que tutela o futebol profissional em Espanha não aceitou o pedido.

De acordo com liga, "a segurança do FC Barcelona e os Mossos [polícia regional] garantiram a segurança de todos os adeptos que assistam a este encontro e o normal desenrolar do mesmo".

"LaLiga deseja insistir nas garantias de segurança confirmadas pelos Mossos durante o dia de hoje para a normal disputa do encontro, pelo que não havia motivo para adiar o mesmo", lê-se num comunicado.

O Barcelona decidiu disputar o encontro à porta fechada, após criticar "as ações levadas a cabo em muitas localidades" durante o referendo pela independência da Catalunha.

"Perante a excecionalidade destes factos, a direção do Barcelona decidiu que o jogo da primeira equipa contra o Las Palmas será jogado à porta fechada, depois da recusa da Liga de Futebol Profissional de adiar o jogo", lê-se num comunicado do clube.

Os catalães apoiantes da independência da região estão hoje a tentar votar num referendo suspenso no início do mês pelo Tribunal Constitucional espanhol e as autoridades de Madrid a tentarem impedir a realização da consulta popular com milhares de agentes da Polícia Nacional e Guardia Civil na rua.

Já se verificaram alguns confrontos, com o governo regional catalão a atualizar para 337 o número de pessoas assistidas em serviços de saúde, na sequência de distúrbios relacionados com a realização do referendo pela independência na Catalunha.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.