Marcelo e os críticos: «Às vezes não há respeito»

Jogador do Real Madrid volta a falar da ansiedade que sentiu antes da final da Chamions de 2018

Marcelo contou numa entrevista ao 'The Players Tribune' como uma declaração de um "um antigo jogador do Real Madrid" o afetou antes da final da Liga dos Campeões de 2018 com o Liverpool, em Kiev. Embora não tenha dito de quem se tratava, a imprensa espanhola já garantiu tratar-se de Jorge Valdano, que na altura disse que o brasileiro "devia comprar um poster o Mohamed Salah, colá-lo na parede e rezar todas as noites". Esta terça-feira, na conferência de imprensa de antevisão do encontro da Champions, frente ao Galatasaray, o defesa abordou de novo o assunto.

"São coisas minhas, tenho sempre o cuidado de não expor ninguém quando falo. Mas, quer queiramos quer não, há situações que pertubam, que fazem mal aos futebolistas e aos treinadores. Acho que às vezes não há este tipo de respeito. São coisas sobre mim, sobre a minha vida e tenho o cuidado de não mencionar ninguém, por respeito. Não retifico nada, foram coisas que aconteceram; às vezes as críticas podem causar danos, outras servem de motivação", referiu o brasileiro.

Sobre a ansiedade que sentiu no jogo em Kiev, fez apenas uma constatação. "Somos pessoas, temos problemas como toda a gente. Eu queria contar isto."

Amanhã, na partida frente aos turcos, Marcelo vai cumprir o 100.º jogo na Champions. "A verdade é que é uma grande felicidade fazer tantos jogos no melhor clube do mundo. É um grande orgulho estar aqui e espero seja um grande jogo."

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.