Monchi e as críticas a Luuk de Jong: «Se tivesse de voltar a contratá-lo, contratava»

Diretor desportivo do Sevilha defende o holandês depois da goleada sofrida em Barcelona

• Foto: Getty Images

O Sevilha começou bem a época, mas tem vindo a cair de rendimento nos últimos jogos (apenas uma vitória nos últimos quatro encontros para o campeonato). No último domingo, a equipa de Julen Lopetegui foi goleada em Camp Nou pelo Barcelona (4-0) e têm surgido críticas ao avançado Luuk de Jong, bem como ao treinador espanhol. O diretor desportivo dos andaluzes, Monchi, aborda o momento negativo.

"A aposta no De Jong é uma decisão do treinador. Sabemos que é muito difícil não ligar aos rumores que correm na rua e na comunicação social... Mas o Luuk é um jogador frio, capaz de assumir este momento. Não é um tema que me tire o sono. Tenho muita confiança no De Jong, o golo chegará mais tarde ou mais cedo. Com o Kanouté também se dizia que era um avançado sem golo, sem entrar em comparações. O Luis Suárez esteve quase dois anos sem fazer golos na Champions fora de Camp Nou. Se é uma desculpa? Não", começou por dizer.

"Lopetegui faz o que acredita que é melhor para a equipa, a 100%. Toma a decisão que acredita que é melhor para a equipa. De certeza que o treinador é o primeiro que gostaria de pensar que o Dabbur é melhor do que o De Jong, mas isso vê-se no dia-a-dia. Se eu tivesse de voltar a contratar o de Jong, contratava", assegurou.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.