Polícia que divulgou passaporte de Messi já não vai para a prisão

Recurso foi bem sucedido

Messi
Messi • Foto: Reuters

O recurso do polícia que tinha publicado imagens do passaporte de Messi foi bem sucedido, pelo que já não vai ter de cumprir um mês de prisão.

O incidente ocorreu a 27 de dezembro no Aeroporto Internacional do Dubai e no início de fevereiro soube-se que o polícia, identificado pelas iniciais "J.J.", tinha sido condenado por ter "abusado do sistema de telecomunicações" e "violação da vida privada" do jogador argentino do Barcelona.

O polícia, de 26 anos, reconheceu ter errado ao publicar dados do avançado nas redes sociais mas o seu advogado anunciou que iria interpor recuso, invocando que não causar danos a Messi.

Por Sandra Lucas Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.