Ramón Calderón: «Venda de Cristiano Ronaldo foi muito imprudente»

Antigo presidente do Real Madrid volta a tecer críticas à direção de Florentino Pérez

• Foto: Facebook

Líder do Real Madrid entre 2006 e 2009, foi sob o comando de Ramón Calderón que os merengues negociaram com o Manchester United a compra do passe de Cristiano Ronaldo. E o antigo presidente, que em julho já se tinha manifestado contra a saída do português, voltou a deixar farpas à direção de Florentino Perez por ter deixado escapar o craque para a Juventus.

"Ele é um líder. A Juventus foi muito feliz e muito sábia na sua decisão. Não há dinheiro que pague o seu verdadeiro valor porque ele marca 50 golos por época. O clube sabia que quando Ronaldo estivesse em campo ele marcaria golos", constata Calderón.

E prossegue: "A venda de Ronaldo foi muito imprudente. Mas ainda assim não acredito que o domínio do Real Madrid na Europa vá acabar", referiu, numa palestra organizada pelo 'Financial Times'.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas