Samuel Eto'o: «Criei o Messi como um filho»

Camaronês tece rasgados elogios ao argentino mas espera que ele não defronte o Inter na Champions

O camaronês Samuel Eto'o, antigo jogador do Barcelona e do Inter, teceu rasgados elogios a Lionel Messi numa entrevista à 'Gazzetta dello Sport' mas fez votos para que o argentino não jogue amanhã diante do clube italiano, na Liga dos Campeões, de modo a que o encontro possa ser mais equilibrado.

"O Barcelona começou mal a Liga porque o Messi jogou pouco. Se ele estivesse a 100 por cento, ter-se-ia visto o verdadeiro Barcelona. Espero que não jogue contra o Inter. Quero que seja um jogo equilibrado, se ele jogar vai ser mais difícil", considerou o camaronês.

"Criei o Messi como um filho. Tenho um grande respeito pelo Maradona, mas os jogadores que mais marcaram o futebol moderno foram o Messi e o Cristiano Ronaldo", afiançou.

Eto'o jogou cinco anos no Barcelona e três no Inter. "O Barcelona foi a vitrina que me permitiu fazer sonhar milhões de miúdos africanos e fazê-los acreditar que na vida tudo é possível. O Inter foi a confirmação, o passo decisivo. Ganhei dois 'tripletes' consecutivos com duas equipas distintas."

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.