Simeone: «Pedi ao Atlético que não deixasse sair ninguém e assim foi»

Treinador revela 'exigência' feita para o passado mercado de verão

• Foto: EPA

Diego Simeone confessou que pediu ao Atlético Madrid para não deixar sair nenhum jogador no mercado de verão. Para além da sanção da FIFA que impede os colchoneros de inscrever novos atletas, também a qualidade dos jogadores do plantel levou o técnico a fazer esta 'exigência'.

"Se me derem a escolher entre perder Saúl, Griezmann e Koke e ter muito dinheiro para contratações ou ninguém sair e não poder contratar, eu escolho a segunda. São jogadores extraordinários. Quando o clube me disse que não ia poder contratar este verão, só pedi que ninguém saísse. E assim foi", confessou Simeone em declarações aos meios de comunicação do Atlético Madrid.

Simeone, que chegou a Madrid em 2011/12, vincou ainda a ligação ao clube, não percebendo aqueles que duvidam do trabalho de tantos anos no mesmo emblema: "Perturba-me quando alguém diz que estar muitos anos num clube é complicado. Porquê? Se os jogadores entenderem que a sua responsabilidade é jogar à bola e o treinador perceber que a única coisa que tem de fazer é ir melhorando, não é assim tão difícil. Sou um privilegiado pelo clube e pelos jogadores que tenho".

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas