Yerry Mina: «Messi e Suárez tiravam-me todos os dias 50 euros»

Central colombiano deu entrevista à revista 'Bocas'

• Foto: EPA

Yerry Mina foi um dos jogadores que esteve em destaque no Mundial 2018, tendo apontado três golos na Rússia pela seleção da Colômbia. O central chegou ao Barcelona na segunda metade da última época e fez apenas seis jogos, mas fala da boa relação que tem com os colegas de equipa, nomeadamente Leo Messi, Luis Suárez e Andrés Iniesta.

"Eles são pessoas estupendas. E uns magos. Quando cheguei, comecei a apostar com Messi e Suárez quem marcava melhor os livres diretos nos treinos. Quando dei conta, todos os dias tiravam-me 50 euros. Mas a verdade é que aqueles monstros põem a bola onde querem", referiu Mina, em entrevista à revista 'Bocas'.

Mas nem tudo foi bom na Catalunha. O colombiano refere que várias coisas más lhe passaram pela cabeça devido à falta de minutos no clube culé.

"Pensava em muitas coisas. Muitas coisas más. Pensei que estava terminado. Estava tão mal que o Paulinho e o Coutinho animavam-me o tempo e diziam 'Calma, vai ficar tudo bem'. E isso tanto te pode motivar como te pode desmotivar, porque tu queres jogar sempre e estar ali. Percebo que haja jogadores espetaculares, mas eu queria ter minutos. E os poucos minutos que tive, senti que nada me corria bem, nem fazer um passe no treino", confessou.

2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.