Ronaldo e companhia em 'xeque' devido à exibição de gala das 'reservas' no Riazor

Marcelo foi o único dos habituais titulares que fez parte do onze incial na goleada ao Depor

Marco Asensio jogou sobre a esquerda, no lugar de Ronaldo frente ao Deportivo

O Real Madrid foi ao Estádio Riazor golear o Deportivo por 6-2 com apenas um dos habituais titulares no onze inicial (Marcelo), três dias depois de ter perdido em casa diante do Barcelona num jogo em que Zinedine Zidane fez alinhar as princiais figuras do plantel. Estes dois dois factos sustentam vários artigos em órgãos de comunicação social em Espanha a questionar as escolhas do treinador francês e o rendimendo de futebolistas como Cristiano Ronaldo, Karim Benzema ou Luka Modric face ao que é designado como "segunda linha".

O exercício, que leva o jornal 'Marca' a interrogar se os merengues não possuem o melhor onze de suplentes do Mundo, é levado ao extremo por publicações como 'Don Balón' ou 'Diario Gol', onde Zidane surge na mira do presidente Florentino Pérez, que viu a portentosa exibição da equipa - num reduto em que o Barcelona foi derrotado (2-1, a 12 de março) - como prova do que, alegadamente, já fez saber ao treinador: Isco, James Rodríguez e Álvaro Morata têm de jogar mais vezes.

Inevitavelmente, os visados são Ronaldo, Gareth Bale (que não jogou devido a lesão) e Benzema, trio que forma a 'BBC'. Com rendimento abaixo do habitual nos últimos encontros da liga espanhola e algumas ausências de convocatórias, o internacional português, principal estrela da equipa merengue, acaba no centro da discussão, com a 'Don Balón' a avançar com uma explicação que contraria a justificação apresentada por Zidane.

Segundo site da revista espanhola, Ronaldo ficou fora das opções para o Riazor não para descansar e sim porque não se sente motivado para jogar estas partidas da liga espanhola. A notícia justifica que o extremo se terá concentrado na Liga dos Campeões, competição onde entende que o rendimento será mais valorizado no âmbito da 'candidatura' à Bola de Ouro.

O 'Diario Gol' também centra a análise no extremo português, apesar de destacar também que Florentino Pérez recordou a Zidane que Morata, Isco, Marco Asensio, Lucas Vázquez, James Rodríguez e Mateo Kovacic são opções válidas, assinalando que é tempo de injetar sangue novo face às quebras de Benzema, Modric e... Ronaldo.

O presidente do Real Madrid, que não esteve no Riazor devido a assuntos relacionados com as suas empresas, terá dado o 'toque' a Zidane num telefonema logo após o jogo que teve lugar noite de quarta-feira.

8
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Real Madrid

Notícias

Notícias Mais Vistas