Record

Zidane: «Ronaldo queria jogar amanhã mas sabe que não pode ser»

Extremo fora das opções fremte ao Rayo devido a lesão

• Foto: Getty Images
O treinador do Real Madrid, Zinedine Zidane, confirmou esta sexta-feira que Cristiano Ronaldo ficará de fora da lista de convocados para o embate frente ao Rayo Vallecano, revelando, contudo, que a vontade internacional português era a de jogar.

Ronaldo, recorde-se, sofre de sobrecarga muscular, um problema que o afectou na quarta-feira, no decorrer do jogo com o Villarreal, e que foi diagnosticado hoje, após exames realizados de manhã.

"O Ronaldo queria jogar amanhã, mas sabe que não pode ser assim. Não tem nada de grave, mas está sobrecarregado e não pode jogar. Depois veremos, dia-a-dia. Ele quer jogar sempre. Poderia fazê-lo amanhã, mas fica em casa e na terça-feira logo veremos", contou o treinador francês, na conferência de imprensa de lançamento do jogo de sábado, frente ao Rayo Vallecano.

"De vez em quando precisa de descansar, mas para um treinador é um espetáculo ter um jogador que tem sempre a esperança de jogar, de ajudar a equipa, que qer smpre mais e mais... Dentro do mau há muitas coisas boas. Ele sabe que amanhã não pode jogar, mas queria jogar. Está já a pensar no jogo de terça-feira. de resto, se amanhã fosse uma final também não jogaria, pois seria rriscar muito", acrescentou Zidane, sublinhando depois a importância de Ronaldo para a equipa:

"É [um jogador] intocável. Intocável por aquilo que os seus números demonstram. Merece ter estatuto de intocável. O que temos de fazer é far sempre com os jogadores, na perspetiva de que eles, às vezes, precisam de descanso. Ronaldo tem o seu descanso quando não joga... quando joga, joga como ninguém, de forma perfeira."
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Real Madrid

Notícias

Notícias Mais Vistas

M