Coronavírus: PSG lança campanha para ajudar hospitais públicos de Paris

Colocou à venda uma série limitada de camisolas do clube

O Paris Saint-Germain colocou esta quinta-feira à venda uma série limitada de camisolas do clube, com as receitas a revertem para os 100 mil profissionais que estão a trabalhar nos hospitais públicos de Paris, na pandemia da Covid-19.

No seu site oficial, a um preço de 175 euros cada, o PSG disponibilizou 1500 camisolas que combinam as cores do clube e as cores da AP-HP (Assistência Pública dos Hospitais da região de Paris), com a frase estampada: "Tous unis" (Todos Unidos).

"A luta promete ser longa e o clube quer contribuir para oferecer ajuda concreta em resposta às necessidades prioritárias dos profissionais, como descansar, comer e compartilhar alguns momentos de recuperação com seus entes queridos", disse o presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi.

O dirigente máximo do emblema campeão francês acrescentou que o clube vai "nos próximos dias lançar mais iniciativas deste tipo".

De acordo com os dados mais recentes, em França, 25.233 pessoas já foram infetadas com o novo coronavírus e 1.331 perderam a vida.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou perto de 450 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 20.000.

Em Portugal, registaram-se 60 mortes e 3.544 infeções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde. Portugal, onde os primeiros casos confirmados foram registados no dia 02 de março, encontra-se em estado de emergência desde as 00:00 de 19 de março e até às 23:59 de 2 de abril.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de França

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.