Diretor do Dortmund irónico com as multas da UEFA ao PSG: «No Qatar riem-se disso»

Hans-Joachim Watzke apresentou alternativa a quem não cumpre fair-play financeiro

• Foto: Reuters

Hanz-Joachim Watzke, diretor executivo do Dortmund, comentou a situação do PSG e o não cumprimento das regras do fair-play financeiro e acredita que é "ridículo" a UEFA sancionar o clube francês com multas de milhões.

"É o trabalho da UEFA e acho que há pessoas qualificadas para fazê-lo. Mas sei de uma coisa que a UEFA não deveria de fazer, que é colocar multas financeiras. É absurdo fazer isso contra o PSG. No Qatar, eles riem-se disso", assegurou numa entrevista concedida à 'T-Online'.

Além de considerar ridículas as multas, o dirigente do clube alemão apresentou ainda uma alternativa mais eficaz: sancionar os clubes que falham de forma mais efetiva as regras do fairplay financeiro com... retirada de pontos nas respetivas ligas.

"Uma alternativa? Reduzindo pontos às equipas nas respectivas ligas. Nessa altura é que os clubes se vão começar a preocupar."

Em causa estão os astronómicos valores gastos nas transferências de Neymar e Mbappé - pelo internacional brasileiro, o PSG pagou 222 milhões de euros e pelo francês 180 milhões, fazendo dos dois jogadores, os mais caros da história do futebol.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de França

Notícias

Notícias Mais Vistas