Gonçalo Guedes era a segunda opção do Paris SG. Sabe quem era a primeira?

Unai Emery negou um nome e não teve coragem para fazer o mesmo com o português

• Foto: Reuters
O 'Le Parisien' revela esta terça-feira que Gonçalo Guedes não era a primeira opção do Paris SG para reforçar o plantel no mercado de inverno e que o português apenas chegou à capital francesa porque o técnico Unai Emery não teve coragem para negar a vontade da direção.

A situação explica-se de forma simples. A direção do Paris SG analisou o mercado e definiu o avançado Lucas Alario, do River Plate, como alvo principal. O nome foi proposto por Patrick Kluivert a Unai Emery, que depois de pesar os prós e os contras decidiu recusar. O PSG apresentou então o nome de Guedes e aí, escreve o 'Le Parisien', o técnico "não teve coragem para dizer não uma segunda vez".

Para lá do estatuto de segunda escolha - aliado ao escasso tempo de jogo desde janeiro -, o jovem português pode ter uma complicada 2017/18 ainda mais complicada, especialmente porque os rumores de mercado apontam para a chegada de Alexis Sánchez. "Irá o jogador pedir um empréstimo ou irá lutar para mudar a situação? A resposta chegará no verão", escreve o mesmo diário.

Gonçalo Guedes, refira-se, tem até ao momento dez jogos disputados no Paris SG, dois deles enquanto titular. No total, o português jogou 273 minutos em 900 possíveis.
Por Fábio Lima
17
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de França

Notícias

Notícias Mais Vistas