Wanda Nara tinha carta na manga mas Icardi fez outra escolha: «PSG foi a pior opção para mim»

Mulher e empresária do agora jogador do PSG revela movimentações no defeso

Mauro Icardi foi protagonista de umas das maiores novelas do mercado de transferências deste verão. O avançado acabou por trocar o Inter pelo PSG no último dia possível, uma movimentação que não agradou a Wanda Nara, mulher e empresária do argentino que garante ter esperado "até ao final". "Tinha uma carta na manga", revelou.

"Ninguém sabia de nada, nem sequer os filhos. Nunca houve qualquer proposta séria do Boca Juniors. Esperei até ao final porque tinha uma carta na manga. Mauro [Icardi] pegou numa mala pequena e foi-se embora. As crianças vão continuar na escola em Itália, por isso vamos viver entre Milão e Paris. Das três opções que tínhamos, o PSG foi o pior para mim", afirmou citada pelo 'As'. 

E prosseguiu: "Pensei no que era melhor para ele. Eram muitos os clubes importantes italianos que o queriam e tinha sido mais fácil. Ofereceram-me a oportunidade de representar outros jogadores amigos de Mauro, mas não aceitei porque cuidar dos interesses do Mauro já é muito intenso. Faço-o por amor a ele".

Não é divórcio, é 'dar um tempo'

Wanda Nara assegurou ainda que a relação com o Inter não está terminada. "Não é um divórcio. Mauro e o Inter são como namorados que estão a fazer uma pausa na relação para refletir. A vontade de jogar pelo Inter e o amor aos adeptos continuam", disse ao 'Corriere Della Sera'.

"Como capitão, Mauro nunca deixaria o clube, foi uma estratégia para o vender. Porque é que lhe tiraram a braçadeira? Queriam vender. No ano passado, recusou-se a deixar a equipa, disse 'sou o capitão'. Assim, as relações quebraram, tinham outra ideia..."


Os números do 'goleador' Icardi na chegada ao PSG

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de França

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.