Paris SG deixou de tocar música de Phil Collins e provoca fúria dos adeptos

'Who Said I Would' tocava há vários anos. Hoje o som foi outro...

• Foto: Reuters
Vive-se uma nova era no Paris SG, com a chegada de (ainda mais) superestrelas, mas há tradições que, para os adeptos não podem ser mexidas. Como o caso da música que antecede a entrada das equipas, que desde 1992 era da autoria de Phil Collins - "Who Said I Would". Para esta temporada a música é outra, será mais animada e com autores atuais, mas os fãs não parecem concordar e este sábado, aquando do duelo com o Clermont, fizeram-no notar nas redes sociais.

Na verdade, a mudança da música de entrada já se tinha dado há perto de um mês, antes do jogo com o Estrasburgo, mas na altura todos pensaram que se tratava de um problema e não de uma mudança. Esperavam, por isso, que este sábado o som de entrada fosse o mesmo. Só que não foi o caso. E à entrada dos jogadores lá estava o som de DJ Snake, um artista local, que se assume como adepto do clube e que marca o início de uma nova era neste protocolo, que passará a servir para promover artistas locais.

Mesmo assim, nas redes sociais os adeptos não perdoaram a quebra na tradição e falaram numa falta de respeito e numa vergonha...


Por Record
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de PSG

Notícias

Notícias Mais Vistas