«Se Neymar for embora, talvez não consiga dormir»

Treinador do PSG mostra preocupação com eventual saída do craque brasileiro

• Foto: EPA

Neymar não atuou na vitória do PSG sobre o Nimes (3-0), mas deve ter ficado com as orelhas a arder. Os fãs do campeão francês não lhe perdoam o facto de querer sair e levaram para o Parque dos Príncipes cartazes contra ele. "Vai-te embora! Vigarista", lia-se. Houve até um momento em que os adeptos entoaram insultos contra o craque.

No final do jogo e questionado com esta onda de contestação, Tuchel reagiu de forma ‘ salomónica’. "Entendo e não entendo. Hoje em dia, as emoções são assim, à flor da pele. Mas ele ainda é meu jogador. Sendo assim, vou sempre protegê-lo. Posso compreender que não gostem do que diz ou faz, mas é preciso encontrar outro nível para se expressarem", declarou o alemão. Ao Canal +, o técnico dos parisienses mostrou maior preocupação com a eventual saída da estrela brasileira, protagonista da maior transferência da história do futebol, depois de o PSG ter pago 222 milhões ao Barcelona. "Adoro o Neymar e quero continuar a contar com ele. Se for embora, talvez não consiga dormir."

Mbappé também revelou receio quanto ao futuro da equipa. "Vamos tentar ser competitivos, mas não vamos estar a mentir a nós próprios. Tudo vai depender do futuro de Neymar. Sem ele não será a mesma coisa."

O futuro do craque continua incerto e a imprensa divide-se no destino. Uns apontam Neymar ao Real Madrid, argumentando com as boas relações existentes entre os presidentes, e outros ao Barcelona. Segundo a rádio Monte Carlo, o PSG já aceita incluir Coutinho num eventual acordo com o clube catalão. Certo é que Leonardo, diretor desportivo, diz que "as negociações estão mais avançadas". 

Adeptos do Paris SG entoam cântico a insultar Neymar

Por Aurélio de Macedo
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de PSG

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.