Arsenal recebe empréstimo estatal de 132 milhões devido a impacto da Covid-19

Para fazer frente "ao impacto das perdas de receitas"

• Foto: Reuters

O Arsenal anunciou esta quinta-feira ter contraído um empréstimo de 120 milhões de libras (cerca de 132,5 milhões de euros) do governo britânico, para fazer frente "ao impacto das perdas de receitas" devido à pandemia de covid-19.

Segundo o clube londrino, adversário do Benfica na Liga Europa, o empréstimo permite obter "financiamento a curto prazo e de taxas competitivas", atingindo a maturidade em maio.

O impacto de jogos à porta fechada e outros problemas relacionados com a pandemia juntou-se aos maus resultados desportivos, que levaram a um quarto ano de fora da Liga dos Campeões.

O atual 11.º classificado da Liga inglesa de futebol chegou a acordo com a maioria dos jogadores para um corte salarial de 12,5% e anunciou, em agosto, ter iniciado um processo de supressão de 55 postos de trabalho.

Apesar dos constrangimentos, os 'gunners' usaram o mercado de transferências do verão para contratar o ganês Thomas Partey ao Atlético de Madrid por 50 milhões de euros.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Arsenal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.