Obi Mikel lembra adeus do Chelsea à Champions em 2009: «Havia garrafas a voar e mesas partidas»

Blues foram eliminados pelo Barcelona com um golo de Iniesta nos descontos

• Foto: Reuters

Jon Obi Mikel foi suplente no jogo da segunda mão das meias-finais da Liga dos Campeões que ditou o afastamento do Chelsea às mãos do Barcelona, em 2009, com um golo marcado por Iniesta, nos descontos. O jogador nigeriano recordou, em declarações ao site 'The Athletic', o que se passou depois do jogo no balneário dos blues.

A arbitragem de Tom Ovrebo foi muito contestada pelos jogadores do Chelsea, que perseguiram o juiz pelo campo no final, gritando com ele.

"Foi o caos no túnel e depois no balneário. Havia garrafas e coisas a voar por toda a parte. Partiram mesas, todos gritavam", recorda o médio nigeriano.

A frustração era muito grande. "Não sei como é agora, mas perder naquela época era algo que não aceitássemos bem. Essa noite foi realmente louca. O Drogbá perdeu a cabeça no campo e depois no balneário", acrescenta John Obi Mikel, de 33 anos, que atualmente veste as cores do Stoke City.

O árbitro reconheceria anos mais tarde os erros daquela noite. "Não foi o meu melhor dia, é verdade. Mas os erros podem ser cometidos pelos árbitros, pelos jogadores e até pelos treinadores. Mas não posso estar orgulhoso daquele dia", disse Ovrebo, numa entrevista ao jornal 'Marca'.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Chelsea

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.