Adepto que tentou agredir Anthony Lopes vai ser banido pelo Everton

Clube inglês prepara também queixa na polícia de Liverpool

A carregar o vídeo ...
Adepto do Everton pediu satisfações a Anthony Lopes com uma criança ao colo

O Everton já avançou no sentido de identificar e banir o adepto que se envolveu no tumulto entre jogadores e acabou por tentar agredir o guarda-redes português do Lyon, Anthony Lopes, na noite de quinta-feira. O homem, que estava com uma criança ao colo, foi também de denunciado à polícia de Merseyside (Liverpool).

"Funcionários do clube visionaram as imagens do incidente que ocorreu aos 64 minutos do jogo frente ao Lyon nos quais adeptos na fila da frente da bancada Gwladys Street End se envolverem no confronto entre jogadores. Identificámos um indivíduo contra o qual vamos agir. Isto incluirá o impedimento de assistir a mais jogos do Everton bem como a apresentação de uma queixa formal na polícia de Merseyside", informaram os toffees através de um comunciado.

Recorde-se que o adepto, que não foi identificado, empurrou duas vezes o guarda-redes português no decorrer dos incidentes que marcaream o jogo da Liga Europa, que os franceses venceram (2-1). A polícia britânica informou que já abriu uma investigação, no sentido de apurar "se foi cometida qualquer infração", com base em testemunhos e em imagens vídeo, na sequência de queixa apresentada pelo clube de Liverpool.

No fim do encontro, Anthony Lopes desvalorizou o incidente, que nasceu de uma falta violenta de Ashley Williams sobre o guarda-redes português, considerando não se ter passado "nada de especial".

Autor: A. E. com Lusa
Empurrão a Anthony Lopes originou cena de pancadaria

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0