Acabou-se a paciência: adeptos do Manchester United vão abandonar Old Trafford em protesto

Movimento contra os donos do clube vai decorrer no jogo contra o Wolverhampton

• Foto: Reuters

O jogo de dia 1 de fevereiro entre o Manchester United e o Wolverhampton, de Nuno Espírito Santo, pode ter um momento marcante aos 58 minutos. É esse o instante planeado por um grupo de adeptos dos red devils para abandonar Old Trafford em protesto contra a família Glazer, que detém o clube.

O conjunto de adeptos que planeou o movimento está desiludido com os donos do clube e pela forma como o Man. United tem sido gerido pelo vice-presidente executivo, Ed Woodward.

A escolha recaiu no minuto 58, já que nesse dia será relembrado o desastre de Munique, ocorrido a 6 de fevereiro de 1958. Nessa data, o avião que transportava jogadores, técnicos e adeptos do Manchester United, após um jogo em Belgrado, frente ao Estrela Vermelha, despenhou-se numa tempestado de neve, o que provocou várias vítimas mortais.

Os organizadores desejam convencer os restantes adeptos do clube que estiverem a assistir ao jogo a levanterem-se das cadeiras e a deixarem o estádio.

Por Rafael Soares
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.