«Afinal é humano»: ingleses analisam exibição de Bruno Fernandes

Médio português esteve em tarde desinspirada no empate (1-1) entre Manchester United e West Ham

• Foto: Action Images

"Afinal é humano". Depois de tantos jogos deslumbrantes com a camisola do Manchester United, eis que Bruno Fernandes provou que pertence ao Mundo dos comuns mortais.

O médio português foi lançado de início por Ole Gunnar Solskjäer para a receção ao West Ham, em jogo da penúltima jornada da Liga inglesa, mas não esteve à altura do que já foi capaz de mostrar em Terras de Sua Majestade. Apesar da exibição 'apagada' do internacional luso, os red devils asseguraram um ponto importantíssimo na luta por um lugar na Liga dos Campeões na próxima temporada.

Eis a análise de alguns dos principais meios desportivos ingleses à exibição do camisola '18' do Manchester United.

Manchester Evening News
"Não conseguiu controlar uma grande bola de Marcus Rashford quando o resultado ainda estava 0-0, se tivesse conseguido, talvez o United tivesse tido uma noite mais tranquila. Ficou frustrado."

The Sun
"Possivelmente o seu pior jogo com a camisola do Manchester United. Fraco no toque, passes errados e falta de energia. O médio encarregue pelo ressurgimento do United precisa de umas férias."

Mirror
"Bruno Fernandes é humano. Esteve em altas desde que chegou ao Manchester United, mas esteve irreconhecível durante a primeira parte. O United teve dificuldades em aumentar o ritmo e Bruno Fernandes esteve bem longe do seu melhor. Ele tentou coisas diferentes, mas não foi a sua melhor prestação. Depois de tantos prémios MVP, talvez ele esteja a mostrar que afinal é humano?"

Independent
"Não esteve no seu melhor e pareceu algo frustrado em alguns momentos. Ainda assim, conseguiu uma das melhores exibições coletivas."

Por Sérgio Magalhães
13
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.