Bilic telefonou ao plantel para saber onde errou e ouviu respostas... honestas

Alguns jogadores do West Ham apontaram defeitos no trabalho e disciplina do treinador

• Foto: Reuters

Os telefones dos futebolistas do West Ham tocaram entre domingo e segunda-feira e do outro lado da linha era Slaven Bilic, treinador que já estava informado de que tinha sido demitido do cargo pelos dirigentes do clube londrino. No que é uma atitude certamente pouco habitual, o croata quis saber onde tinha errado. E ouviu algumas respostas honestas...

O jornal 'Daily Mirror' coloca no topo da lista o que será um sentimento comum no seio do plantel onde se conta o internacional português José Fonte (lesionado): Bilic não foi suficientemente duro com alguns jogadores, sobretudo no que toca a pontualidade.

Por vezes, o técnico de 49 anos até terá fechado os olhos aos que chegavam atrasados aos treinos de forma a que estes evitassem pagar as multas que o clube tem previstas no seu regulamento interno.

Sob orientação do croata, multiplicaram-se as situações em que determinados futebolistas se juntavam aos companheiros nas sessões de trabalho já bem depois da hora, sem que fossem por isso punidos, ou mesmo chamados à atenção.

Depois, alguns elementos do plantel contactados por Bilic também terão feito saber que a qualidade e intensidade dos treinos deixou muito a desejar nas semanas que antecederam a demissão do treinador.

Bilic foi demitido na sequência da pesada derrota em casa frente ao Liverpool (1-4), que atitou os hammers para a zona de despromoção da Premier League (18.º lugar), com nove pontos em 11 jogos.

O sucessor do croata é o escocês David Moyes, que nos últimos anos trabalhou no Everton, Manchester United, Real Sociedad e Sunderland.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.