Cabaz de refeição escolar entregue a famílias causa indignação e Marcus Rashford não se cala

Imagem partilhada nas redes sociais levou futebolista a comentar situação

Marcus Rashford, que em outubro lançou uma campanha contra a fome, nas redes sociais, intitulada de ‘AllkidsMatter’, depois de ter visto recusada a petição a solicitar que as crianças com dificuldades económicas tivessem direito a refeições gratuitas durante as férias escolares, está indignado com os cabazes que estão a ser entregues a famílias carenciadas em substituição das refeições escolares que as crianças teriam direito, se as aulas decorressem de forma habitual - devido à pandemia o Reino Unido vive novo confinamento.

As imagens partilhadas nas redes sociais por várias mães levaram a que o internacional inglês, de 22 anos, não se calasse e se colocasse em ação.

"3 dias de comida para 1 família… Não é bom o suficiente", comentou Rashford na legenda de uma das imagens "Temos que fazer melhor. Estamos em 2021", sublinhou.

Marcus Rashford, que considera a situação "inaceitável", tem estado em cima da situação, apesar de esta noite ter jogo, dando já eco a uma reunião de emergência com a empresa contratada pelo Ministério da Educação britânico.


5
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.