Carrillo diz que recusou jogar no Fulham: «Não queria lutar para não cair na 2.ª divisão»

Peruano, que pertencia ao Benfica, rumou à Arábia Saudita no verão de 2018 para jogar no Al Hilal

• Foto: DR

A terminar a segunda temporada no Al Hilal, André Carrillo revelou à Movistar Deportes que recusou rumar ao Fulham no verão de 2018 em vez de rumar à Arábia Saudita, ele que na época anterior já havia disputado a Premier League pelo Watford, por empréstimo do Benfica.

"Falaram-me do Fulham. Depois, também podia continuar no Benfica porque era eu quem decidia. Faltavam-me três anos de contrato e tinha também a proposta Arábia. Mas nem de perto, nem de longe, tive mil ofertas. Eu pensei 'bem, jogas um Mundial, vão chover ofertas', mas não é assim", afirmou o internacional peruano.

Carrillo acabou por ser emprestado ao Al Hilal, que viria a adquirilo em definitivo ao Benfica um ano depois, e explica porque recusou jogar no Fulham. "O Fulham tinha subido nesse ano, mas não pensava em ir para lá. São boas equipas, economicamente fortes, com bom estádio e adeptos fantásticos, mas são clubes que vão lutar para não cair na 2.ª divisão e esse não é um objetivo que tenho para a minha carreira", justificou.

Aos 29 anos, Carrillo ainda não pensa regressar ao futebol sul-americano. "Se receber uma oferta da América do Sul, não quero ir. Tenho a certeza de que as portas estão abertas lá, mas eu não quero ir", sustenta o extremo.

Por Record
9
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas