Clubes pedem inquérito sobre papel de Jorge Mendes no Wolverhampton

Em causa está a influência do empresário na equipa e um eventual desrespeito dos regulamentos

• Foto: Simão Freitas

Vários clubes do Championship, segunda divisão britânica, querem que a Liga Inglesa (EFL) abra um inquérito à relação entre o Wolverhampton e Jorge Mendes, segundo noticia o 'The Telegraph'.

O jornal teve acesso a uma carta de um clube rival dos wolves dirigida ao diretor executido da Liga Shaun Harvey e À Federação Inglesa, manifestando preocupação pela influência do empresário português na equipa. Leeds United, Aston Villa e Derby County são algumas das equipas que também querem ver a situação esclarecida.

Em causa estão os regulamentos da competição que não permitem que alguém de fora de um clube "influencie materialmente as suas políticas ou performance da equipa ou jogadores". Os clubes queixosos lembram que "quase metade" dos 25 jogadores que assinaram no último ano e meio pelo Wolverhampton chegaram através da Gestifute, empresa de Mendes.
Por fim, o 'The Telegraph' escreve que o Wolverhampton já esclareceu anteriormente que cumpre todos os regulamentos e que Jorge Mendes é apenas um conselheiro e não tem total controlo na construção do plantel.

O Wolverhampton, equipa orientada pelo português Nuno Espírito Santo, comanda o campeonato com 73 pontos, mais seis do que o Cardiff. O plantel inclui sete jogadores lusos: Roderick, Rúben Neves, Pedro Gonçalves, Rúben Vinagre, Ivan Cavaleiro, Hélder Costa e Diogo Jota.

Por Luís Miroto Simões
3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.