Ex-treinador inglês Barry Bennell acusado de mais 21 crimes de pedofilia

Está detido preventivamente

O ex-treinador inglês Barry Bennell foi esta terça-feira acusado de 21 novas agressões sexuais sobre jovens adolescentes, informou a justiça britânica.

"Hoje o antigo treinador de futebol Barry Bennell foi informado de que deve responder a 21 acusações de agressão sexual sobre rapazes com idades entre 14 a 16 anos", anunciou o ministério publico, em comunicado.

Bennell, de 63 anos, que está detido preventivamente, enfrenta assim um total de 41 acusações de alegadas agressões a oito menores de idade, no período entre 1980 e 1991.

O ex-treinador, atualmente sob custódia, deve depor a 17 de maio por videoconferência no tribunal de Cheshire do Sul.

Bennell treinou as equipas jovens de vários clubes ingleses, incluindo o Crewe Alexandra (agora na quarta Divisão), Manchester City e Stoke City.

O escândalo da pedofilia no futebol Inglês eclodiu em meados de novembro, depois de revelações de um ex-jogador do clube Crewe Alexandra, que relatou o seu calvário ao jornal Guardian.
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas