Record

Fonte do Manchester United revela à BBC o que o clube pensa fazer com Mourinho

Treinador português está a passar por um momento conturbado nos red devils

• Foto: Reuters
A derrota do fim-de-semana diante do Brighton abriu um amplo debate em Inglaterra sobre a continuidade de Mourinho à frente dos destinos do Manchester United. Há quem diga que o treinador português (que renovou até 2020 em janeiro) não chega ao Natal; outros recordam a entrevista de Zidane ao L'Equipe, em que o antigo técnico do Real Madrid disse que gostaria de treinar um clube na Premier League, dando preferência... ao Manchester United. Mas fonte do United garantiu à BBC que o técnico natural de Setúbal vai manter-se à frente da equipa. "Por que haveremos de falar de Zidane se há alguém no cargo?", terá questionado a tal fonte quando inquirida pela televisão britânica.

A verdade é que a relação de Mourinho com a direção dos red devils já conheceu melhores dias. O treinador pede reforços mas as cúpulas consideram que já gastaram dinheiro suficiente e não lhe dão os jogadores que pediu. Ed Woodward, vice-presidente, esteve no balneário no dia da derrota com o Brighton, e falou com os jogadores sem a presença do português...

Segundo conta a imprensa inglesa, Mourinho já gastou cerca de 444 milhões de euros em cinco janelas de transferências e a direção não está disposta a dispender mais dinheiro em atletas que pouco ou nada, considera, devem acrescentar ao plantel.

O clube garantiu este defeso o médio brasileiro Fred e o português Diogo Dalot, que está lesionado. Nenhum dos dois brilhou o mais alto nível até ao momento e o treinador quer mais jogadores para a defesa.

Críticas

Ian Wright, antigo avançado do Arsenal, diz que "há sangue na água" em Old Traford. "Mourinho cometeu erros incíveis. Ed Woodward está insatisfeito, o treinador está insatisfeito, os jogadores e os adeptos estão insatisfeitos. Alguma coisa tem de ser feita. Não vejo outro caminho que não seja José Mourinho provavelmente perder o emprego se as coisas continuarem desta forma."

Já Gary Neville considera "doloroso" ver o que o Manchester United penou nos últimos cinco ou seis anos e considera que, se o contrato do treinador foi renovado a meio da época, então a direção tem de o apoiar. "Se Ed Woodward tem dúvidas sobre Mourinho, não devia ter renovado o seu contrato em janeiro. A partir do momento em que o fez, tem de o apoiar e dar-lhe os reforços que precisa."

Chris Sutton, antigo avançado do Chelsea, referiu, por sua vez, que frente ao Brighton "parecia que os jogadores não estavam a seguir as instruções do treinador". "Os jogadores não parecem estar empenhados com o treinador ou com a causa. Os adeptos estão furiosos e fartos."


Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

M