Jonás Gutiérrez vence processo com o Newcastle após luta contra o cancro

Resta agora saber qual a verba que o argentino receberá

• Foto: Reuters

O extremo argentino Jonás Gutiérrez venceu um processo nos tribunais ingleses contra o Newcastle. O jogador, de 32 anos, acusou o seu antigo clube de 'discriminação por deficiência' após ter sido diagnosticado com um cancro nos testículos.

Gutiérrez procurou a Justiça depois de o Newcastle "congelar os seus pagamentos" e decidir não renovar o seu contrato no fim da época passada. Segundo o futebolista, o proprietário do clube, Mike Ashley, forçou o treinador a dispensá-lo por causa da sua doença.

O tribunal inglês também deu razão a Gutiérrez na reclamação sobre o não prolongamento do seu contrato. Se o jogador disputasse 80 jogos nas quatro épocas com os magpies, teria o vínculo automaticamente prorrogado por mais um ano. O argentino chegou às 78 partidas realizadas mas depois não foi mais utilizado e, na sequência, foi dispensado por telefone.

A justiça de Inglaterra ainda vai decidir quanto o Newcastle terá de pagar para o argentino, que pediu 2,15 milhões de libras (2,7 milhões de euros) na ação judicial. Gutiérrez joga atualmente no Deportivo La Coruña.

Por Mamede Filho
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.