Record

Manchester City investiga olheiro acusado de racismo

Dean Ramsdale ter-se-á referido aos jogadores negros de forma imprópria

• Foto: DR Record
O Manchester City abriu uma investigação interna no sentido de apurar as acusações de racismo que pendem sobre Dean Ramsdale, olheiro do clube para as camadas jovens, escreve esta quarta-feira o 'Daily Mirror'.

O treinador ter-se-ia referido aos jogadores negros como BBQ, acrónimo para 'big, black and quick', ou seja, grande, negro e rápido.

Tudo terá acontecido em janeiro, numa reunião de trabalho do técnico (que é diretor de scouting e captação de jovens no clube desde junho de 2017) com treinadores dos escalões de formação do Manchester City e empresários. Um dos presentes terá enviado uma carta sobre o assunto à direção do City. 


Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

M