Manchester United vai dizer a Mourinho que não é tão rico como parece...

BBC revela que o clube tem de vender para poder contratar no mercado de inverno

• Foto: Getty Images

O Manchester United prepara-se para informar José Mourinho de que só será possível contratar na reabertura do mercado de transferências, em janeiro de 2018, caso sejam vendidos futebolistas. A notícia da BBC surge na sequência de uma outra do 'Manchester Evening News' ('M. E. N.') a dar conta da pretensão do treinador português em que o clube se empenhe mais no reforço do plantel.

A estação de televisão britânica recorda que os red devils investiram 285 milhões de libras (322,3 milhões de euros) em contratações desde que Mourinho assumiu o cargo, no verão de 2016, com os encargos salariais a subirem 13,5 por cento nesse período para 263,5 milhões de libras (298 milhões de euros).

O lateral-esquerdo Luke Shaw, que ainda não partipou em qualquer jogo na Premier League ou Liga dos Campeões nesta temporada, e o médio-centro Marouane Fellaini, que está em final de contrato, são sérios candidatos à saída do Manchester United em janeiro, segundo a BBC, que salienta o fraco encaixe financeiro proveniente das vendas na era Mourinho.
Dos 16 futebolistas do plantel principal que deixaram o clube de Old Trafford desde o verão de 2016, só Memphis Depay (Lyon) e Morgan Schneiderlin (Everton) renderam algum dinheiro, ainda assim verbas bem abaixo do que foi investido nas respetivas aquisições.

A notícia do 'M. E. N.' partia do novo contacto que terá existido entre representantes Mourinho e do Paris Saint-Germain (PSG) para salientar as diferenças que existiram entre o Manchester United e Manchester City e o próprio PSG no último mercado, onde os dois clubes detidos por entidades com estreitas ligações a países do Golfo Pérsico dominaram, com os red devils a deixarem escapar Ivan Perisic (Inter Milão), o quarto reforço pretendido pelo treinador português.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.