Mourinho: «Mata no Chelsea era uma coisa e agora no United é outra»

Diz que não foi ele que o vendeu nos clubes mas admite existirem diferenças

• Foto: Reuters

José Mourinho falou esta quarta-feira sobre Juan Mata para recordar que não foi ele a vender o jogador quando ambos estavam no Chelsea. Porém, o treinador português admitiu que o espanhol apresenta diferenças neste novo contexto.

"Primeiro, eu não vendi o Mata. O meu trabalho não é comprar ou vender, é treinar, trabalhar no relvado e aconselhar a direção sobre a política de transferências. Segundo, foi ele que pediu para sair. Terceiro: a minha ideia de jogo com a equipa e os objetivo do Chelsea era uma coisa, e a equipa que tenho agora e o que estou a tentar fazer neste clube é outra completamente diferente. Assim, o Juan no Chelsea era uma coisa e agora no United é outra", explicou Mourinho em conferência de imprensa.

Na quinta-feira há jogo com os ucranianos do Zorya para a Liga Europa e, após a derrota da primeira jornada, Mourinho diz não existir outra alternativa que não seja conquistar os três pontos: "Sinceramente creio que temos de vencer. Se não o fizermos, teremos depois mais quatro jogos e teria de dizer que era obrigatório vencer os quatro, o que é difícil. Por isso acho que é muito importante ganhar amanhã".

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas