Os números da histórica vitória do Leicester sobre o Southampton

Foxes alcançaram o maior triunfo 'fora de portas' da Premier League

A carregar o vídeo ...
O vendaval ofensivo do Leicester visto em 90 segundos

A goleada do Leicester na visita ao reduto do Southampton por 9-0, no jogo de abertura da 10.ª jornada da Premier League, tomou proporções incríveis no que toca ao registo histórico da competição.

Os foxes, orientados por Brendan Rodgers, entraram determinados na partida e, logo aos 10 minutos, o defesa Benjamin Chilwell fez o primeiro para os visitantes, naquilo que viria a ser, posteriormente, um autêntico festival de golos.

Os recordes iam sendo alcançados pelas duas equipas e, apenas dois minutos depois do golo dos foxes, Ryan Bertrand, defesa do Southampton, recebeu vermelho direto e consequente ordem de expulsão. Este momento deixou os Saints como o único clube na Premier League a ver um jogador expulso em três jogos consecutivos frente ao Leicester - Pierre-Emile Højbjerg, no desaire (1-2) na 3.ª jornada da última temporada, Yan Valery, no triunfo (2-1) na 22.ª jornada e Ryan Bertrand, esta sexta-feira.

Ao intervalo, o Leicester já vencia por número 'obscenos', registando um 5-0 no placard, fruto dos golos de Tielemans (17'), Ayoze Perez (19' e 39') e Jamie Vardy (45'). Números que fazem com que Brendan Rodgers seja o único treinador a alcançar, em 'polos' opostos - a perder e a ganhar -, este resultado ao intervalo para a prova (esta sexta-feira e, antes, com o Liverpool, quando perdia por 6-1 com o Stoke City, em 2015).

Contudo, a 'festa' não parava por aqui e Ayoze Perez e Jamie Vardy viriam ainda a marcar por mais ocasiões. O avançado espanhol fez, aos 57 minutos, o hat trick - os primeiros três golos da época -, enquanto que o internacional inglês viria a saltar para o topo da lista dos melhores marcadores - também com um hat trick - com mais dois golos aos 58' e aos 90'+4. Os dois jogadores igualaram o feito de Pennant e Pires, ex-jogadores do Arsenal, os únicos companheiros de equipa a marcar três golos na mesma partida... também diante o Southampton. Pelo meio, James Maddison (85') fez o 8.º golo.

O Leicester iguala, assim, a maior goleada da Premier League - que até agora pertencia ao Manchester United, no triunfo (9-0) sobre o Ipswich, em 1995 - e impõe a maior goleada fora de portas da história da competição. Quanto aos Saints, sofrem pela primeira vez nove golos em casa.

Mas há outro dado curioso: esta foi a primeira vez que o Leicester conseguiu arrancar um triunfo a uma sexta-feira, pois até à data os foxes somavam cinco derrotas e dois empates.

Por Sérgio Magalhães
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.