Rooney: «Parece que a imprensa quer escrever o meu obituário»

Fala em situação vergonhosa no tratamento dos festejos que protagonizou

• Foto: Getty Images

Devido ao incidente ocorrido na seleção inglesa, Wayne Rooney continua na ordem do dia. Ontem, após o empate frente ao Arsenal, o capitão do Manchester United foi à conferência de imprensa acusar os jornalistas.

"Parece que a comunicação social quer escrever o meu obituário, mas não vou deixar que isso aconteça. Aquilo que se tem passado é vergonhoso. É um orgulho jogar pelo meu país e estou orgulhoso daquilo que alcancei. A minha carreira não acabou. É vergonhoso tudo o que se tem passado, demonstra falta de respeito, basta! É tudo aquilo que quero dizer", disse o avançado de 31 anos.

O jornal 'The Sun', recorde-se, deu conta de uma noite bem regada de Rooney, passada na companhia de Phil Jagielka, que se seguiu ao triunfo de Inglaterra sobre a Escócia (dia 11). Os dois futebolistas aceitaram um convite para participar numa festa de casamento que decorria no hotel em quem a comitiva inglesa estava alojada.

Por António Espanhol
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.