«Se me chamarem doido não quero saber»: Klopp e o desejo de celebrar título inglês nas ruas

Treinador dos reds assume que a equipa, em caso de triunfo, irá celebrar título de forma apropriada, nem que tenha de ser na próxima época

• Foto: Reuters

O regresso da Premier League está à porta. O Liverpool assume a liderança da tabela classificativa com 21 pontos de vantagem sobre o segundo classificado Manchester City, uma distância pontual que deixa Jürgen Klopp mais à vontade para sonhar com a conquista do título inglês de futebol.

"Que não possamos celebrar da forma com que sempre sonhámos não é agradável e eu percebo isso perfeitamente. Mas continuo a sentir da mesma forma. A minha forma ideal de celebrar [o título de campeão] não é sozinho no estádio e depois conduzir para casa. Não foi desta forma que eu pensei que as coisas pudessem acontecer. Mas não é algo que eu possa mudar agora. Porque haveríamos nós agora de dar importância a algo que não pode ser alterado?", começou por referir o treinador alemão, em declarações à 'Sky Germany'.

"Há um dia em que a vida irá voltar ao seu normal. Quando alguém criar a vacina, quando alguém arranjar uma solução para este problema [a pandemia de Covid-19], quando o número de infetados seja 0 - esse diria irá chegar eventualmente. Aí sim, teremos a oportunidade de celebrar da forma que quisermos. Se for na 12.ª ou 13.ª jornada da próxima temporada que quisermos celebrar quem irá impedir-nos?", apontou o técnico dos reds.

Por Sérgio Magalhães
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.