Tottenham apresenta recurso para dar golo de Eriksen a Kane

Avançado garante que tocou na bola após livre do companheiro de equipa

• Foto: Reuters

O Tottenham decidiu submeter um pedido de revisão do segundo golo da equipa ao Stoke City, no sábado (2-1), junto da federação inglesa (FA). O lance começa num livre de Christian Eriksen marcado junto à lateral e oficialmente a bola entrou diretamente na baliza defendida por Jack Butland, sem interferência de Harry Kane.

No que é uma decisão sem precedentes, o clube londrino pede que o golo seja retirado a Eriksen e atribuído a Kane, o melhor marcado da equipa, que não marca há quatro jornadas e perdeu terreno para Mohamad Salah na tabela dos melhores marcadores, a qual dominou ans duas últimas temporadas.

Caso seja aceite, o recurso fará com que o avançado inglês fique com 25 golos, contra 29 do extremo egípcio do Liverpool.

Kane garantiu no final do jogo que a bola lhe tocou no ombro: "O golo é meu sem sombra de dúvidas. A bola desviou no meu ombro e entrou. Juro que é meu. Juro pela minha filha que toquei na bola, mas não posso fazer nada."

Um painel indicado pela FA irá agora reanalisar as imagens e tomar uma decisão. As imagens da transmissão do jogo deixam muitas dúvidas.


1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.