David De Gea não seguiu indicações que lhe foram dadas sobre os penáltis na Liga Europa

Guarda-redes sabia para onde os jogadores do Villarreal podiam bater

• Foto: Reuters

O jornal inglês 'Daily Mirror' conta esta quinta-feira que David De Gea, o guarda-redes do Manchester United, não seguiu as instruções que lhe foram dadas sobre a marcação de penáltis na final da Liga Europa, frente ao Villarreal, que os red devils acabaram por perder.

Segundo o jornal, antes dos penáltis os treinadores de guarda-redes do Manchester United entregaram ao espanhol uma nota, com a indicação do local para onde cada jogador do Villarreal poderia bater e pediram-lhe que guardasse o papel na toalha que levou para a baliza.

De Gea seguiu a indicação nos primeiros três penáltis, mas os espanhóis fizeram sempre golo. Se as tivesse seguido até ao fim, acrescenta o jornal que comparou as indicações com o que aconteceu a seguir, o guarda-redes teria defendido o pontapé de Moi Gomez, pois na nota dizia que o jogador ia marcar para o centro e foi o que fez. Só que De Gea atirou-se para a esquerda.

Todos os jogadores de campo das duas equipas marcaram e os guarda-redes foram chamados à marca dos 11 metros. De Gea falhou, Rulli marcou e o Villarreal fez a festa. 






De Gea saiu 'na rifa' dos memes da final da Liga Europa

Por Record
26
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Man. United

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.