Kane terá sido o motivo da rutura entre Tottenham e Conte

Técnico italiano queria continuidade do avançado, dirigentes dos Spurs não conseguiam dar garantias

As negociações entre Tottenham e Antonio Conte parecem mesmo ter chegado ao fim, e Harry Kane pode ter estado na origem dessa rutura. Segundo avança o 'The Telegraph', o treinador italiano queria contar com o avançado inglês como jogador chave para a próxima temporada, mas o clube inglês não conseguia garantir a continuidade do jogador. 

Os dirigentes do Tottenham teriam em mente a aposta em jogadores jovens da formação do clube, como Ryan Sessegnon e Oliver Skipp, ao invés do investimento em grandes nomes, aspeto que não terá agradado a Conte.

Daniel Levy, presidente do Tottenham, já fez saber que apenas vai deixar Harry Kane sair do clube por valores astronómicos, pedindo mais de 170 milhões de euros pelo avançado inglês, condição que não afugenta os principais interessados: Manchester United, Manchester City e Chelsea continuam atentos à situação do inglês, uma vez que Kane já demonstrou a sua vontade de sair do Tottenham.

Os rumores relativos a um possível regresso de Pochettino abrandaram nos últimos dias, mas acredita-se que o clube inglês não tenha esquecido o treinador argentino, uma vez que continua à procura de um substituto para Ryan Mason, técnico interino.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Tottenham

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.